14.9.09

Tais Araujo vive as contradições do sucesso

Taís Araújo terá sua prova de fogo em Viver a Vida a nova telenovela da Globo em que será a protagonista da trama. A visibilidade em que se vê lançada pelo papel que terá nesta novela, certamente a colocará à beira do excesso de exposição para nós e talvez para ela mesma: diariamente na telinha, nos jornais, revistas, internet e replicando na TV nos programas sobre celebridades.

Tais Araujo falando pelos cotovelos: "não falta espaço para o negro"
Talvez antecipando-se à redundância, à falta de assunto ou mesmo a pauta previsível Tais Araujo tenha desandado a falar pelos cotovelos antes de pensar para falar. Numa entrevista dada num intervalo das gravações, ela disse: "Falar que falta espaço para o negro é até maldade". Ela estará dizendo que há espaços suficientes para os negros na TV brasileira?
Curiosamente,ela faz esta declaração na semana em que o Estatuto da Igualdade Racial foi preliminarmente aprovado numa comissão na Câmara dos Deputados retirando exatamente as cotas para negros na mídia entre outras imposições dos conservadores (racistas).
A curiosidade se torna estranheza nesse ambiente conectado em que vivemos e no qual a mídia nos liga e desliga da realidade como trocamos de canal.
A declaração de Taís foi feita em outro canal da mídia Globo, a Revista da TV que é assinada não menos que pela esposa do Ali "Não somos Racistas" Kamel, diretor de jornalismo da TV Globo -  que conduz editorialmente a posição da empresa contrária às cotas raciais.
Esta infeliz e precipitada declaração de Taís Araujo certamente faz parte do deslumbramente que acomete os acólitos na subida ao estrelato numa espécie de tributo à farsa e a hipocrisia pela qual sabemos - uns mais, outros menos - que a TV encena sobre a vida.

De toda forma vale como ilustração o resumo que o autor Manoel Carlos faz da nova telenovela:
“Viver a Vida” falará da superação. Do que somos capazes de superar, mesmo quando pensamos estar num beco sem saída, numa situação-limite. Temos força suficiente para a superação de todo e qualquer problema, desde que possamos unir a essa força uma férrea vontade de alcançar a nossa meta”.

8 comentários:

Josy disse...

Estou na espectativa para vê-la atuando nessa novela tão esperada, pois está vivendo a primeira Helena Negra, já não gosto dessa história " A primeira Helena Negra", digo protagonista, a Thais já foi protagonista por 2 vezes se não estou errada, mas cadê as outras atrizes negras, será que não tem atrizes com talento assim como a Thaís Araújo? A minha mãe a alguns anos não assiste a globo, talvez ela tenha razão.
Vamos ver o que o autor está tentando nos passar, vamos acompanhar.
Bjs
Meu blog é http://simplesmentekia.blogspot.com
Estou te acompanhando.

Lumumba disse...

É pessoal, de fato infeliz e precipitada estas falas da Thais; típico de quem defende uma posição privilegiada e descompromissada da realidade em que está inserida. Tomara que respeitadíssimo "Milton Gonçalves" converse com ela a tempo; ele QUE JÁ DEMONSTROU EM REDE NACIONAL TER CONSCIÊNCIA DO RACISMO MANIFESTADO PELA MÍDIA TELEVISIVA, inclusive o da sua empregadora, quando num destes "domingões" afirmou literalmente ao apresentador que gostaria de ver dançarinas negras também, que existem mulheres bonitas e capazes aos montes entre nós.
Diga-se de passagem, ele protagonizou um político corrupto (“Romildo Rosa”), Pai, numa família negra sem mãe, que tinha um filho drogado (“Didú”- Fabrício Boliveira), parasita, incompetente e a própria Thais representando um personagem "filha" (“Alicia”) desmiolada, mal caráter, amoral, quase prostituta, papel bastante estereotipado.
Lembro-me de uma outra novela em que sua personagem nem nome tinha, era só um apelido, “Preta”. Sempre com um “galã” branco (se é que não estou redundando, talvez bastasse falar GALÃ...).
Agora, é branco e velho; “coincidência” que se soma à novela que acabou de entreter população na “conexão Brasil – Índia”: a lindíssima Atriz Juliana Alves interpretando “Suellen”, que casa-se com um outro branco velho, nada galã, apesar de Psiquiatra e interpretado por um ator famoso (Stênio Garcia).
Ali Kamel que fique aí se justificando, mas eles são racistas sim!!!

Lumumba disse...

Um complemento:
a globo ainda aumenta a audiência ganhando a atenção dos pretos e pretas mais seletos, pois essa declaração da Comentarista Josy, de que vai acompanhar, é sintomática. Eu já decidi, não vou parar capítulo nenhum pra assistir a babozeira de sempre, que em nada me acresta. Tenho uma monografia pra escrver, dezenas e dezenas de textos pra ler, justo para, dentre outros objetivos, acrestar ao meu cabedal argumentos contra esta sociedade racisma e, mais ainda, para aprender a driblar e fortalecer os nossos nesta guerra tão desleal a que nos submetem.

Lumumba disse...

Desculpem, mas vcs não podem deixar de ler a entrevista do MIlton Gonçalves, cliquem no link a seguir:

http://g1.globo.com/Noticias/PopArte/0,,MUL868865-7084,00-NEGROS+EM+NOVELAS+AINDA+SAO+POUCOS+DIZ+ATOR+DE+A+FAVORITA.htm

Anônimo disse...

Em uma outra entrevista Taís disse que a prova de que a TV Brasileira está abrindo espaço para atores negros é a sua própria escolha para interpretar uma protagonista. Em resposta a ela, Manuel Carlos afirma que não a escolheu por ser negra.
Acho que ela reconhece a ausência de papéis para atores negros, mas não ela também deve estar sendo colocada na parede diante uma situação do tipo: "está reclamando de barriga cheia". É assim que os racistas tentam calar a população negra, achando que estão concedendo um espaço também deveria ser da população negra por direito.

Anônimo disse...

vo dizer voce é um racista de marca maior!! cada um fala e diz o q quer, hj em dia negros tem mais racismo q brancos, e fora q tudo pra voces é racismo! esse país é um saco, pq vcs vão fikar o resto da vida se fazendo de coitadinhos, tem é q arregaçar as mangas e ir trabalhar, pq é engraçado, vc podem andar com blusas de 100% negros, fazer bloogs e revistas so de belezas negras, agora vai andar ae com uma 100% branco ou fazer uma revista q proiba negros na capa, nossa, é capaz de haver agressão! então esquece esse lance de racismo, pq quem tem racismo num passa de uns bobos, tanto racismo contra negros como contra brancos.

Anônimo disse...

Tudo para voces quem, criatura??????
ahuahauhauhauha
Que comentario racista, eu sou negra e nao acho que td e racismo....ahauhauhua
EU TENHO CERTEZAAAAAAAAAAAAA
ahuahahuahahuahuahahuahu

Anônimo disse...

Tive que voltar em sua homenagem!!!!!!!!!
Revistas que proibam negros na capa??????????????
ahuahauauhauhauhau
Isso e pra rir????? Sempre existiram seu animal cretino, negros so passaram a ser permitidos nas capas de revistas a partir da decada de 90, acorda brasileirada ignorante!!!!!!!!!!!!!!!