30.1.12

Wando: do samba ao brega sem preconceito

O cantor Wando foi submetido a uma angioplastia e está internado no Hospital Biocor.

Desde a última sexta-feira (27/01) por causa de dores no peito, o Hospital divulgou mais um boletim médico na tarde desta segunda. De acordo com os médicos, o cantor submetido a uma angioplastia - cirurgia do coração- e teve uma leve melhora em seu quadro clínico, porém permanece em estado grave. Sedado e respirando com a ajuda de aparelhos. Os médicos responsáveis pelo cantor afirmam que não há previsão de alta.
Na década de 70 Wando começou sua carreira de sucessos gravando sambas com um balanço pop ouça esta gravação de 1975, "Nega de Obaluê"



Em 1976 seu grande sucesso foi Moça, o estilo da baladas românticas no entanto foi prevalecendo...

 

E Wando acabou por se tornar um ícone do estilo brega e do estilo "romântico safadinho" com suas letras insinuantes e provocativas. Wando também se tornou conhecido como o Rei das calcinhas pelas peças íntimas que as fãs passaram a jogar nos palcos em que se apresentava.



Na década de 80 seu grande sucesso foi Fogo e Paixão de 1988, no vídeo em show em 2009.




Wando faleceu de parada cardio-respiratória nesta terça feira (7/02).

Um comentário:

Fanzine Episódio Cultural disse...

CHE GUEVARA

O látego do carrasco
Deixou a mostra as veias abertas
De uma América sem líderes,
Cheia de ditadores patéticos
E de déspotas obtusos,
Promíscuos em suas salas de mármore.

Há os que iludem com discursos
E os que mentem sem palavras –
Apoderam-se de mecanismos de tortura
Para espalhar o pânico e o terror.

A América se ergue com a sua mão direita
Que, ensangüentada, deixa-se extinguir,
Cambaleante cai sobre a perna esquerda,
Em repetidos golpes...

O guerrilheiro está morto!
Seu idealismo se tornou sonho,
O sonho transcreveu sua lenda,
A lenda transformou-se em eternidade.

A América de Guevara se perpetua,
Em sua eterna busca
Pelos verdadeiros líderes,
Por sua total e plena liberdade.


*Agamenon Troyan