6.2.13

poetamente #3

Queria estar em Salvador, essa capital do exílio diaspórico.

Provar de teus quitutes únicos, teus aromas, teus sabores.

Estar no carnaval, fugir do carnaval, em tuas ladeiras e elevações.

Me enroscar em tuas tranças, me proteger em teus braços, me embalar 

em teu ritmo, flertar com teu sorriso cada vez menos ingênuo.

Banner: Afródromo em Salvador, Bahia - Carnaval 2013

Nenhum comentário: